. Calendário .






. Blogs outros .

Antipoético
Às vezes tudo...
Balde de gelo
Brenda Walsh
Canto de detalhes
Carbon Monoxide
Clarah Averbuck
Clarices
Cristiane Lisboa
Estradeira
Filosofia de Para-Choque
Garatuja
Kibe Loco
Namastê
Qual é a sua?
Pena & tinteiro
Playground
Redatoras de merda
Rita Apoena
Tudo palhaço
Um baiano em Sampa
Vodca barata





. Arquivos .




29 de julho de 2012


Não sei se essa arte de estender a mão é justa. Em um momento é o certo a fazer, é a única saída, Madre Teresa foi para o céu. O problema é que quase sempre se parece com o socorro de um afogamento: você não consegue salvar uma pessoa sem que ela te puxe para baixo.

posted by Genivalda Joga pedra na Geni!




Powered By Blogger TM

online