. Calendário .






. Blogs outros .

Antipoético
Às vezes tudo...
Balde de gelo
Brenda Walsh
Canto de detalhes
Carbon Monoxide
Clarah Averbuck
Clarices
Cristiane Lisboa
Estradeira
Filosofia de Para-Choque
Garatuja
Kibe Loco
Namastê
Qual é a sua?
Pena & tinteiro
Playground
Redatoras de merda
Rita Apoena
Tudo palhaço
Um baiano em Sampa
Vodca barata





. Arquivos .




26 de novembro de 2006


E eu consumindo caixas de rivotril. As pessoas deviam ter me avisado que farra e vodka cura qualquer coisa. Do brega-tecno do vigia à boate.

Ontem foi A festa. Eme-ó-ene-ó-bê-ele-ó-cê-ó...que beleza, ú, Monobloco!
E quem liga pra pele lisinha e não suada? E quem liga pra chegar em casa sem pé? E quem liga pra cabelo grudando no rosto? Ontem foi a vez de entrar na multidão com as amigas.

Sambão de primeira. Batucada ensurdecedora.

Vodkas.

Eu quero voltar à essa vida e quero overdose disso.

posted by Genivalda Joga pedra na Geni!




Powered By Blogger TM

online