. Calendário .






. Blogs outros .

Antipoético
Às vezes tudo...
Balde de gelo
Brenda Walsh
Canto de detalhes
Carbon Monoxide
Clarah Averbuck
Clarices
Cristiane Lisboa
Estradeira
Filosofia de Para-Choque
Garatuja
Kibe Loco
Namastê
Qual é a sua?
Pena & tinteiro
Playground
Redatoras de merda
Rita Apoena
Tudo palhaço
Um baiano em Sampa
Vodca barata





. Arquivos .




8 de novembro de 2005


Olhe que nessas minhas andanças pelo meio do mundo eu já vi uma tuia de coisa, mas eu ainda continuo me surpreendendo com a mania das pessoas. Eu fico obcecada quando tem uma pessoa perto de mim com uma mania forte. Obcecada ruim e não obcecada boa. Obcecada assim, nervosa.

Fico pensando quando eu precisar me casar. Acho que se meu marido pegar um lenço de pano e escarrar a alma dele ali, eu pego minha mochila e me mando de casa.

É muito sério essa coisa de me irritar com tudo e eu acho que me atrasei nos assuntos de contabilidade por causa da mania de um demente da minha sala.

Muito difícil ele. Meio mãozinha, meio dementão, parece que mora em outro planeta. O professor fala, ele repete com aquela voz grave. O professor pergunta "verdadeiro ou falso?" ele responde: "falsoooo". O professor corrige: "verdadeiiiiro!". Ele: "sim, sim, claro, claro, verdadeiro, verdadeiro!". Todo mundo ri meio de lado. O professor diz "80% da prova é isso aqui!", ele repete pra turma "80% da prova é isso aqui, tem que saber beeeeem!". O professor começa uma palavra, ele continua. E eu ODEIO quem fala as últimas sílabas das palavras pra tentar acompanhar. "Isso aqui é importantííí..." ele termina "íííssimoooo!".

Então depois de me atrapalhar aos montes, resolvi escutar um cd com as aulas gravadas EM CASA, pra não ter que ficar reparando na cara dele de entendido do assunto por repetir feito papagaio de sertão. Não é que a voz do demente tava gravada lá? Deus tenha piedade da minha alma.
Professor: "Crédito, crédito, crédito...conatrapartida???"
Demente imitando tom de voz do professor: "Débito, debito, debito!"
Professor: "Não, menino. Aqui é outra coisa"
Demente: "Ah, sim, sim, claro, claro...outra coisa!"

Cd perdido, gravaram a voz do cara!
E ele usa um óculos na ponta do nariz, senta com a coluna curva e fica inclinado para frente, como se fosse engolir as pessoas da próxima fila.
O fato é que acredito que não conseguirei aprender contabilidade enquanto ele estiver na minha sala. E a possibilidade disso acontecer é total já que estamos quase no fim do curso. Me fudi!

posted by Genivalda Joga pedra na Geni!




Powered By Blogger TM

online